Rádio Comunitária Alternativa AO VIVO


QUEM TEM QUE CUIDAR DISSO

 vs

Dengue já matou 35, e feriu        Wellington Menezes de Oliveira, 23 anos
centenas no R.J só
esse ano.     matou 12, feriu outros no R.J nesse ano.
 

 

Recentemente o jovem Wellington Menezes de Oliveira, 23 anos. Entrou em uma escola publica no Estado do Rio de Janeiro e assassinou friamente 12 jovens a tiros. Sendo 11 meninas e um menino e atingiram-se outras. Vemos e ouvimos falarem varias versão do comportamento do Menezes. Alguns psicólogos (as) dizem que ele era esquizofrênico, doença relacionada à sua mãe, que ele tinha um viés de Doença Mental e outros males. A mídia por sua parte procura o máximo saber de sua vida agora. Onde morava, onde trabalhava, seus amigos, famílias, o que costumava fazer e até o sepulcro de sua mão ficou famoso de visita das câmaras da mídia. Acho que ela não está gostando disso. Tirando a brincadeira.

O QUE ESTAMOS ESPERANDO PARA 2014? A COPA OU ELEIÇÃO PRESIDENCIAL? 

A dengue matando mais que a fome, e vamos ficar culpando quem já não pode ir para o tribunal? Em que deu as vitimas dos aviões que cairam? Resolveram?
O salário mínimo de R$ 545,00 e jogadores recebendo mais de hum milhão de reais no Brasil? Enchente, desabamentos e centenas desabrigados no Rio de Janeiro e, em todo o país. mas, não, temos que ir a Sapucaí! Não estamos ficando esquizofrênicos com tudo isso? Não podemos comprar o carro ou o TV LCD que passa no comercial da televisão, do rádio ou das revistas depois que mostram as famílias que perderam alguém ou tudo que possuiam! Quem paga por isso?

Porque só agora, procuram saber que problemas ele tinha e o que levou ele a realizar esse sádico delito?

Em nosso país, quantos criança, jovens e pessoas estão morrendo com o uso do craque e de bebidas alcoolicas? E tem clinicas especializadas para nossos dependentes. Quantas crianças já perderam os pais, por conta de doenças psíquico-mentais, drogas/alcoolismo, violência domestica etc. e tem acompanhamentos para esse individuos até hoje?.  Esse tipo de caso, é só, mais um caso em MASSA, e que chamou atenção pela quantidade de mortos e feridos (e isso dar grana para mídias). Porque, dezenas de pessoas são assassinadas diariamente e o Estado não toma nenhuma providencia e quando toma não é continuada. (Lei seca em PE). E sem falar das mortes nos hospitais, no transito, no trabalho, nas residências e nas ruas. (Falta de políticas públicas)

Vamos mais adiante. Dados recentes revelam que a DENGUE no Rio de Janeiro (sem falr de outros Estatos), já matou mais que o Wellington Menezes e o Francisco de Assis Pereira, vulgo Maniaco do Parque. Isso mesmo. Lembra de quanto a Dengue matou nos anos passados? LEMBRO A VOCÊS:

A última grande epidemia da doença foi em 2008, quando foram registrados mais de 250 mil casos, com 255 mortes no estado. Em 2002, foram quase 290 mil casos, com 91 mortes. Por causa do aumento, alguns especialistas alertam sobre o risco de uma nova epidemia no próximo verão.”

Fonte: http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2010/07/numero-de-casos-de-dengue-no-rio-ja-e-quase-o-dobro-de-2009.html

"O Estado do Rio de Janeiro já registrou 35 mortes causadas pela dengue desde janeiro deste ano, a informação foi divulgada pela secretaria estadual de Saúde na tarde desta quarta-feira (13). Até o dia 9 de abril, foram notificados 45.489 casos suspeitos de dengue no Estado. Foram mais de 10 mil casos suspeitos registrados na última semana e oito mortes causadas pela doença"

"O Rio de Janeiro é a cidade que mais registra mortes ocasionadas pela doença, até o momento 11 pessoas morreram de dengue. Em São Gonçalo são cinco mortes, já as cidades de Nova Iguaçu, Duque de Caxias e São João do Meriti registram três mortes por dengue. Em Magé são duas mortes pela doença. Cabo Frio, Maricá, Mesquita, Bom Jesus de Itabapoana, São José do Vale do Rio Preto, Itaocara, Itaperuna e Rio das Ostras registraram uma morte por dengue."

"O Rio de Janeiro identificou 1.107 novos casos de dengue em apenas 24 horas, fazendo com que o número de infecções pela doença registradas apenas nas duas primeiras semanas de abril chegue a 2.728. Desde janeiro, a cidade já teve 21.851 casos de dengue, segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil. "

Fonte: http://noticias.r7.com/saude/noticias/estado-do-rio-de-janeiro-ja-tem-35-casos-de-mortes-por-dengue-20110413.html

O Que estamos esperando? Um tsunami? Terremoto? Vulcão. O que?  Mais outros “esquizofrênicos, Lunáticos, loucos, doidos varridos, suicidas, viés de doença mental... que @#$¨%*@#... estamos esperando? Para começar a cuidar das crianças, dos jovens, das mulheres dos trabalhadores e dos idosos.  

 E, eu que sou radical, careta ou, sei lá que prr eu sou!

PERGUNTAR NÃO É CRIME. CRIME É DEIXAR MORRER PRA NÃO RESPODER.

Que o Jesus nos ajudem! Ele ensina a viver e não matar, a Amar e não a odiar, a Perdoar e não a se vingar...
A Bíblia não é um livro de 7 cabeças, mas deixa muitos com mais de 7.



Escrito por David Moreno às 02h27
[] [envie esta mensagem] []



APLAUDA QUEM TEM E ELE LEMBRA DE VOCÊ!



Fiquem surpresas (os) ou deixe pra a lá. É o que geralmente fazemos. Não se preocupar com que é nosso.
Você sabia que as concessões de Televisão e Rádios Comerciais, Educativas e Comunitárias são públicas? Pois é.
Agora quem quer saber disso? Quem quer saber que Ronaldinho Gaucho, recebe mais de hum milhão de reais no Brasil? Pra jogar bola. kkkkk.
Nada, o que eu quero é torcer. Muitos brasileiros, não se preocupamos com os custos, e, sim, como pode gastar mais.
O Brasil é um dos maiores produtores de combustível do mundo, e um dos Países dos mais caros. Porque, o que a gente quer comprar é veiculos.
Tambem somos um dos maiores produtores de sementes do mundo, por tanto o feijão, arroz e soja, não estão na mesa do "PAÍS DE TODOS?" É Porque gostamos de MYOJO e de uma boa pizzaria commercial. Quem não queria dar uma opinião em um programa de Rádio ou Televisão? Mas, não pode.
Porque quermos que o a Globo diga que Thiago Lacerdaé é Jesus Cristo, em nova Jerusalém seja . Porque, Globo é Globo.
A TELEVISÃO E O RÁDIO QUEM MANDA SOMOS NÓS...
Mas cadê a coragem de buscá-las?
Então vamos deixa sempre sermos mandados remotamente.

Diz um dito popular:

"Trabalhar para pobre é pedir esmolar para dois"

O que digo aos populares: "VOCÊ ESTÁ SATISFEITO COM QUE SEU PATRÃO RICO LHE PAGA?"



O QUE VOCÊ VAI FAZER EM 2014?    VOTAR OU FAZER UM GOL?



Escrito por David Moreno às 12h54
[] [envie esta mensagem] []



PODEMOS MAIS UNIDOS

A RÁDIO COMUNITÁRIA ALTERNATIVA FM-WEBNET
ESTÁ PRECISANDO DE VOCÊ CONTRIBUA AGORA!


Em 12 de maio de 2010, a nossa Emissora Comunitária teve que parar,
para um grande reforma depois de três anos.  

Muitas pessoas se empenharam para que a reforma acontecesse.
O Darlan Simplício (esq.), Danilo Sarado (meio) e Luiz Carlos (dir.)
E a Foto ao Lado o marceneiro e carpinteiro Josuel. Enfatizando o
Luiz Carlos que participou de toda a reforma de forma voluntária,
recebendo assim só ajuda de custo.


Depois de quase quatro meses, nossa a Rádio Comunitária Alternativa,
reestréia no dia 25 de julho do mesmo ano. Mui emoções, debates,
confraternização, participação de Conselho de Direitos Humanos, Vereador,
Lideranças de Comunidades, Tenente Coronel do 17º. BPMPE, Orquestra de
Flautas da Escola Maestro Nelson Ferreira do Bairro e Outros e Outros. 


Agora para manter, e pra dar continuidade as outras etapas,
precisamos de sua contribuição – cimentos, areia fina e grossa, Tintas,
Tábua, materiais de informática Usados para a biblioteca virtual e etc. 

Precisamos manter as programações pela Internet, por mês temos
um custo de R$ 235,00 (duzentos e trinta e cinco reais) e está muito difícil. Contribua com quanto você poder.

 

Agencia 1599-7

Conta 0032889 – 8
Ass. Rádio Comunitária Alternativa


Fotos: Arquivo ARCA




Escrito por David Moreno às 11h53
[] [envie esta mensagem] []



ENGENHO SEM MEDO DE SER FELIZ

Moradores do Engenho Maranguape Mobilizam-se por Justiça

Do Protesto
Os Moradores do bairro do Engenho Maranguape se mobilizaram e protestaram por 3 horas na PE 22 com Mane Pá na entrada do Engenho Maranguape nessa manha de quinta-feira (23) que começou por volta das 10:00hs. da manhã. Lixos, Pneus, ganhos de arvores, bancos velhos e sofá foram queimados bloqueando os principais fluxos onde transita varias linhas de ônibus e que da sentido a paulista/Maria Farinha, Janga e todas as áreas litorâneas.

Da Prisão

O motivo do protesto foi contra a prisão do Jovem Renan Nascimento Souza de 19 anos.
O jovem foi preso na ultima quarta feira (22), e está sendo acusado de fazer parte de grupos de narcotráfico (tráfico de drogas) no bairro do Engenho Maranguape, em Paulista/PE, na operação Preservação. Segundo o Senhor Guel, pai do rapaz, diz que Renan é inocente. “Como pode uma pessoa que trabalhar e, que, recentemente terminou seus estudos ser um traficante de drogas?” questiona o pai. Ainda em complemento o pai do Jovem relata que ele foi preso enganado. “Estão confundindo o Renan com o tal de Baby ele não tem nem apelido, faça uma sindicância na rua pra saber se ele é esse tal “Baby”.” Relata com indignação e finaliza pedindo justiça.

Familiares, moradores e amigos da Empresa em que Renan, trabalha há três anos, pararam para protestarem O jovem que está no Centro de Triagem (COTEL), segundo os parentes e amigos do Renan, dizem em uma só voz que ele é inocente. “Trabalho com Renan há 2 anos e nunca o conhecia por apelido de “Baby” ele deve até parecer com esse tal, mas garanto que não é o Renan.” Afirma um amigo de trabalho em meio do protesto. Centenas de pessoas estavam presentes na mobilização a favor do Jovem. “Eu morro próximo a ele, vir à mãe dele grávida, vir descansa e o Renan crescer, mas nunca vir esse menino com essas coisas de drogas.” Relata a dona de casa Maria Luziara de 58 anos, que estava segurando um cartaz do Renan.

Da Policia

A Policia chegou logo em seguida como a dos filmes americanos, “chegou muito rápida” para conter a multidão que se aglomeravam mui mais rápida, vinha gente de todos os lados gritando a palavra Justiça, Justiça, Justiça... Crianças, Jovens, Adultos e idosos e de todas as idades unidos e com um só grito de justiça. Mas não demorou mais de 3º minutos pra o fogo baixar e a coisa esquentar, um pick-up preta tentou furar o bloqueio por motivo de saúde e a multidão não quis deixar passar, aííí... Fedeu! Um policial abriu a passagem o veiculo passou, daí deu margem pra outros tentarem prosseguir a destino. Um dos que estava no protesto foi em cima do policial e tentou impedir a passagem dos veículos e já imagine o que deu? Apos agarrar o policial, o rapaz foi espancado a cassetetes e foi atingido na cabeça (foto a dir) e teve um profundo ferimento e muito sangue em seu rosto. Daí começou uma sessão de agressão ,mas multidão foi pra cima dos policiais que teve que disparar vários tiros para o alto, para conter o tumulto, mas a multidão não recuou e tentou ajudar o ferido que foi socorrido pelos próprios policiais. Varias pessoas foram agredidas, senhoras e crianças caíram nos asfaltos e varias cápsulas foram encontradas dos disparos. Aí a revolta só aumentou não tinha mais medo nos olhares das pessoas do bairro do Engenho Maranguape. “Isso é um absurdo policiais que é pra nos defender dando em pai de família.” Grita o senhor Gildo morador do bairro. A multidão queria agora mais justiça. “Os policiais deram nas pessoas, como pode, como pode queremos justiça.” Estarrecida clama uma senhora no meio da multidão. Muitos foram atingidos por cassetetes. “Olha aqui minha nuca? essa foi valendo, quem apanhou foi eu”. Mostra o ferimento um jovem de 18 anos que acabará de levar uma pancada na cabeça. O rapaz que foi levado para receber atendimento medico pelo o Cabo da BPMPE  “Vamos levá-lo pra Unidade Mista Torre Galvão” Afirma o Cabo. Amigos do protestante atingido o seguiram até o hospital. “Eles está bem, mas vai ser encaminhado à delegacia e viemos avisar os familiares dele” relata Genilto um dos que acompanhou-lo no hospital. As 18:00 o rapaz já estava em casa e que teve sete pontos no ferimento e, assinou um Termo Circunstaciado de Ocorrência (TCO).

Do transtorno

Não demorou muito pra o transito engarrafar, as filas de veículos chegaram há quase 2 km nos dois sentidos, mesmo prejudicando varias pessoas que estavam principalmente nos transportes coletivos – As Linha Engenho Maranguape/Paulista, Pau Amarelo/Paulista, Loteamento/Paulista e Loteamento/Rio Doce. “O temos haver com isso?” Pergunta o Motorista da Linha Eng. Maranguape/Paulista. Outros ficaram assistindo pra ver como iria acaba. “Estou atrasado, mas como agora estou vendo que foi um rapaz preso injustamente, dou razão, tem que haver justiça sim, doa em quem doer.” Afirma o motorista que estava com seu carro desligado por conta do protesto. O protesto teve inicio por volta das 10:00 hs da manha, e teve fim às 12:50 hs. Depois da chegada da Jornalista Isabele, do Jornal do Commercio.


Dos Resultados

Os familiares do Renan Nascimento Souza, foram procurados pelo advogado para preparar todas as documentações necessárias para da entrada no pedido de soltura a partir da próxima segunda-feira (27), pois a maior dificuldade é que o fórum está de recesso, mas, mesmo assim vão apelar pra o Juiz de plantão.


Fotos: arquivo da ARCA



Escrito por David Moreno às 12h12
[] [envie esta mensagem] []



SÓ PRA SABER

AS COMBINAÇÕES DOS COFRES PÚBLICOS


 Por Ana Maria Bruni

 

 

 


 Orçamento Geral da União (OGU) O que é?

  •  O que é o Orçamento?

    O Orçamento Geral da União (OGU) é formado pelo Orçamento Fiscal, da Seguridade e pelo Orçamento de Investimentos das Empresas Estatais Federais. É nele que o cidadão identifica a destinação dos recursos recolhidos sob a forma de impostos, taxas e contribuições. Nenhuma despesa pública pode ser realizada sem estar fixada no Orçamento. O OGU autoriza e as verbas são liberadas de acordo com a receita.

  •  Quais leis e princípios regem esta elaboração?

O Poder Executivo é responsável pelo sistema de Planejamento e Orçamento seguindo os princípios básicos para elaboração e controle definidos na Constituição Federal, na Lei 4.320 (de 17/03/64), no Plano Plurianual e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

  •  Como é elaborado o Orçamento?

Ele se baseia nas estimativas para o Produto Interno Bruto (PIB), previsão de inflação e outros parâmetros. Com base nestes cálculos, é estimada uma receita para o exercício seguinte e, de acordo com ela, são definidos os gastos. Este projeto é levado ao Congresso, onde deputados e senadores discutem na Comissão Mista de Orçamentos e Planos a proposta enviada pelo Executivo. Compete ao Congresso remanejar os investimentos para as áreas e regiões consideradas prioritárias e estas alterações são conhecidas como emendas parlamentares.
O Orçamento deve ser votado e aprovado até o final de cada legislatura. Depois de aprovado é sancionado pelo Presidente da República e se transforma em Lei. Se durante o exercício financeiro houver necessidade de realização de despesas acima do limite que está previsto na Lei, o Poder Executivo submete ao Congresso Nacional projeto de lei de crédito adicional.

  •  Quais os prazos do processo orçamentário?

O PPA deve ser encaminhado pelo Executivo ao Congresso até 31 de agosto. A LDO até 15 de abril. A LOA até 31 de agosto. No Congresso Nacional o Orçamento tem que ser aprovado até o dia 31 de dezembro.

  •  Quem controla o Orçamento?

O Controle Interno é realizado pelos órgãos do próprio Poder Executivo, especialmente pela Controladoria Geral da União – CGU. Cada Ministério possui um Assessor de Controle Interno, vinculado tecnicamente à CGU. O Controle Externo, é exercido pelo Poder Legislativo, com o auxílio do Tribunal de Contas da União – TCU.

  •  O que é a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)?

A LDO estabelece as metas e prioridades para o exercício financeiro subseqüente, orienta a elaboração do Orçamento, dispõe sobre alteração na legislação tributária e estabelece a política de aplicação das agências financeiras de fomento. Com base na LDO a Secretaria de Orçamento Federal elabora a proposta para o ano seguinte, em conjunto com os Ministérios e as unidades orçamentárias dos poderes Legislativo e Judiciário.

  •  O que é o Plano Plurianual (PPA)?

O PPA define as prioridades do governo por um período de quatro anos e deve conter "as diretrizes, objetivos e metas da Administração Pública Federal para as despesas de capital e outras delas decorrentes e para as relativas aos programas de duração continuada". O PPA estabelece a ligação entre as prioridades de longo prazo e a Lei Orçamentária Anual.

  •  O Orçamento da União contempla obras em Estados e Municípios?

O governo define no Projeto de Lei Orçamentária Anual, as prioridades (PPA) e as metas a serem atingidas naquele ano. Nenhuma despesa pública pode ser executada fora do Orçamento, mas nem tudo é feito pelo Governo Federal. As ações dos governos estaduais e municipais devem estar registradas nas respectivas leis orçamentárias, conforme define a Constituição do Brasil.

  •  O que é o SIAFI?

É o Sistema Integrado de Administração Financeira da Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda. O SIAFI registra de forma online toda a movimentação orçamentária, financeira e contábil dos Órgãos e das Unidades Gestoras, nos Três Poderes e em todo o território nacional.

  •  O SIAFI possui dados de Estados e Municípios?

Não. O Serviço de Processamento de Dados – SERPRO, do Governo Federal, desenvolveu à semelhança do SIAFI, o SIAFEM – Sistema Integrado de Administração Financeira de Estados e Municípios. Nem todos os Estados e Municípios estão integrados ao SIAFEM. Alguns estados possuem sistema próprio para a contabilização dos seus gastos. O Distrito Federal, por exemplo, utiliza o SIGGO – Sistema Integrado de Gestão Governamental.  

  •  O que incluem os gastos da "UNIÃO", disponíveis no SIAFI?

Incluem dispêndios dos órgãos federais dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, em todo o Brasil. Não estão incluídos os gastos das Empresas Estatais e das Sociedades de Economia Mista.

  •  Nos gastos da "UNIÃO" estão incluídas as despesas dos Estados e dos Municípios?

Não, apenas os gastos federais. Nestes gastos federais estão incluídas as transferências federais aos Estados e aos Municípios, mas não os gastos específicos dessas Unidades da Federação.

  •  O que é feito pelos Governos Estaduais e Municipais?

Se você está interessado em saber quais os recursos disponíveis para as obras de esgotos de sua rua, deve verificar o orçamento da prefeitura de sua cidade. Se a sua preocupação for com a construção de uma estrada vicinal em sua região, deve consultar o orçamento de seu Estado.
A União repassa 47% do produto da arrecadação do Imposto de Renda (IR) e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), aos Fundos de Participação dos Estados, Distrito Federal e Municípios, bem como aplica em programas de financiamento ao setor produtivo das Regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Os governos estaduais contam também, para financiar seus gastos, com 75% da arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e com o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). As prefeituras contam, além do repasse da União, feito de acordo com o número de habitantes de cada cidade, definido pelo censo do IBGE, com os impostos municipais como o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), com 25% da arrecadação do ICMS e com 50% da receita do Imposto Territorial Rural (ITR).

  •  O que é "Contingenciamento"?

O Contingenciamento consiste no retardamento ou ainda, na inexecução de parte da programação de despesa prevista na Lei Orçamentária. Em geral no início do exercício, freqüentemente em fevereiro, o Governo Federal emite um Decreto limitando os valores autorizados na Lei Orçamentária, relativos às despesas discricionárias ou não legalmente obrigatórias (investimentos e custeio em geral). O Decreto de Contingenciamento apresenta como anexos limites orçamentários para a movimentação e o empenho de despesas, bem como limites financeiros que impedem pagamento de despesas empenhadas e inscritas em restos a pagar, inclusive de anos anteriores. O poder regulamentar do Decreto de Contingenciamento obedece ao disposto nos Artigos 8º e 9º da Lei de Responsabilidade Fiscal e da Lei de Diretrizes Orçamentárias.

  •  A Lei de Responsabilidade Fiscal está relacionada com o Orçamento?

A Lei de Responsabilidade Fiscal, aprovada em 2000 pelo Congresso, introduziu novas responsabilidades para o administrador público com relação aos orçamentos da União, dos Estados e municípios, como limite de gastos com pessoal, proibição de criar despesas de duração continuada sem uma fonte segura de receitas, entre outros. A Lei introduziu a restrição orçamentária na legislação brasileira e cria a disciplina fiscal para os três poderes.


Fonte: BRASILIANA


Escrito por David Moreno às 18h10
[] [envie esta mensagem] []



O QUE VOCÊ ESPERA PARA 2012



Escrito por David Moreno às 09h45
[] [envie esta mensagem] []



SIMPLES REFORMA NA UNIDADE DE SAÚDE DA FAMÍLIA EDGAR ALVES
NO BAIRRO DO ENGENHO MARANGUAPE CUSTARÁ CERCA DE 50 MIL REAIS

No Maximo de 90 dias foi à promessa da Dr. Terezinha Mousinho, secretária da Saúde do Paulista/PE. Para entrega da Unidade Básica de Saúde da Família Edgar Alves, no bairro do Engenho Maranguape. Nessas semanas colocaram a placa do orçamento da obra que exigido por Lei, para informação da população dos gastos públicos. E nos deparamos com um abuso de caráter social. As obras da reformas vão custar R$ 49.204.80. A comissão Engenho de todos, visitou a obras e vimos que, o que está sendo construído não gastará nem 30% desse montante de verba que daria cerca de 15 mil reais. Construiu-se: 01 sala de +ou- 20 metros quadrado, 03 salas de 2 metros quadrados, reboco, cobertura de telha canal, madeiramento, pintura, elétrica, expansão da hidráulica, i i i i ... Deu quase 50 mil reais.

 

Também o que chamou atenção foi que na placa foi colocado que a reforma começou no dia 25 de maio de 2010, onde na verdade começou no dia 04 de outubro desse mesmo ano. E a finalização das obras está pra o dia 20 de outubro de 2010, mas hoje é 25 de NOVEMBRO do mesmo ano e a Unidade de Saúde, continua na Associação de Moradores do Engenho Maranguape. Outro ponto, fala que o tempo da reforma levaria 150 dias, Mas, numa nota da assessoria de imprensa do município diz que levaria de 60 a 90 dias para conclusão e que foi dado incio no dia 16 de outubro.

 

POXA VIDA, É CHAMAR A POPULAÇÃO DE LERDAS, SACANAGEM!


 

Foto: Arquivo da ARCA



Escrito por David Moreno às 01h17
[] [envie esta mensagem] []



QUEM QUER DINHEIRO?

Paulista recebe 1,5 Milhões, para Urbanizações


A Secretaria das Cidades se prepara para iniciar uma série de projetos destinados a urbanização e implantação de melhorias em bairros populares em Pernambuco. A ação, que será executada pela Companhia Estadual de Habitação e Obras (Cehab), contará com recursos da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC-2). Ao todo, R$
364 milhões serão repassados, pelo Governo Federal, a partir do próximo dia 7 de dezembro.

Nas cidades de Abreu e Lima, Camaragibe, Garanhuns, Goiana, Igarassu, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Paulista, Petrolina, Recife, São Lourenço da Mata e Serra Talhada, os recursos serão aplicados no desenvolvimento de 16 projetos que incluirão obras de urbanização e construção de equipamentos públicos que ofereçam serviços essenciais, como creches, espaços para esporte, lazer e cultura. Ao todo, 46 mil famílias serão diretamente beneficiadas.

Além disso, os municípios de Goiana, Olinda, Recife e Cabo de Santo Agostinho também receberão investimentos para a construção de habitações dentro do Programa Minha Casa, Minha Vida, beneficiando outras 27 mil famílias.

O secretário das Cidades, Dilson Peixoto, ressalta a importância do PAC-2. “A chegada destes recursos reforça ainda mais a parceria entre os governos Estadual, Federal e os municípios pernambucanos no processo de construção da transparência, inclusão social e qualidade de vida para a população. Esse é definitivamente um programa de integração nacional”.

PAC – O Programa de Aceleração do Crescimento é o maior projeto estratégico já desenvolvido no País e está mudando o jeito de planejar e executar os investimentos. A primeira etapa do programa teve como principal objetivo o crescimento do ritmo da economia, combinando a geração de empregos, distribuição de renda e inclusão social.

Para esta segunda etapa do programa, o Ministério das Cidades selecionou 1.258 ações, entre obras e projetos, que somam R$ 11,80 bilhões em investimentos. O processo foi realizado em conjunto entre governo federal, prefeituras e governos estaduais, por meio de cartas-consulta, priorização de propostas enquadradas e entrevistas técnicas.

Confira abaixo a lista de projetos e obras beneficiadas pelo PAC 2 em Pernambuco:


1 - Abreu e Lima: Elaboração de estudos e projetos para urbanização – Assentamento Caetés I.

Investimento: R$ 140.000,00 (OGU)


2 - Cabo de Santo Agostinho: Urbanização - Vila Suape, Vila Gaibu, Vila Nazaré, Cepovo, Nova Tatuoca, Massangana, Dois Irmãos e Vila Claudete – SUAPE.

Investimento: R$ 5.300.000,00 (OGU)

 R$ 83.450.000,00 (FIN)

Habitações: Investimento: R$ 109.900.000,00


3 - Camaragibe: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - Bacia do Rio Capibaribe trecho Camaragibe.

Investimento: R$ 2.610.000,00 (OGU)


4 - Garanhuns: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - comunidade da Liberdade.

Investimento: R$ 350.000,00 (OGU)

5 - Goiana: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - Favela das Malvinas.

Investimento: R$ 140.000,00 (OGU)


6 - Goiana: Urbanização - Loteamento Oswaldo Rabelo


Investimento: R$ 4.920.000,00 (FIN) / Habitações: R$ 20.340.000,00


7 - Igarassu: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - Ruas Piauí e Paraná.

Investimento: R$ 30.000,00 (OGU)


8 - Ipojuca: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - ZEIS de Rurópolis de Ipojuca.

Investimento: R$ 860.000,00 (OGU)

9 - Jaboatão dos Guararapes: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - assentamento Aritana

Investimento: R$ 460.000,00 (OGU)


10 ­- Olinda: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - assentamentos Alto da Nação, Monte, Guadalupe e Amaro Branco.

Investimento: R$ 1.560.000,00 (OGU)

11 - Olinda: Urbanização - UE11 E 12 Beberibe : R$ 47.040.000,00 (OGU)

Investimento: R$ 40.720.000,00

 
12 - Paulista: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - Beira Mangue / Vila Aparecida.

Investimento: R$ 1.520.000,00 (OGU)

13 - Petrolina: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - assentamento precário.

 Investimento:  R$ 30.000,00 (OGU)

14 - Recife: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - ZEIS Santo Amaro.

R$ 1.560.000,00 (OGU)

Recife: Urbanização - UE23 Beberibe. R$ 9.710.000,00 (OGU)

Recife: Urbanização - Zeis Sítio Grande e Dancing Days.

Investimento:  R$ 3.950.000,00 (FIN) / R$ 24.300.000,00

15 - São Lourenço da Mata: Elaboração de estudos e projetos para urbanização - Margem do Rio Capibaribe - trecho São Lourenço da Mata.

 Investimento:  R$ 5.500.000,00 (OGU)

16 - Serra Talhada: Elaboração de estudo e projrtos para urbanização - assentamento precário.

Investimento: R$ 220.000,00 (OGU)


Fonte de recrutamento: Assessoria de Imprensa Secretaria das Cidades



Escrito por David Moreno às 20h13
[] [envie esta mensagem] []



EM QUE TIME VOCÊ JOGA?


 

QUEM PODE ME JULGAR?

Na quarta-feira (17), tivemos a participação do pré candidato a Prefeito do Paulista em 2012, Sr. Nena Cabral, no Estúdio da Rádio Comunitária Alternativa FM, no programa Conversa de Rua. Que vai ao AR todas as quarta-feira as 18:00h. 

Na entrevista falamos da Cidade do Paulista e suas administrações e por onde Cabral tinha passado. Varia denuncias foram feitas por ele. “No Governo do Prefeito Geraldo Pinho Alves, denunciei a Justiça irregularidades de mais de 60 mil reais, aí ele foi afastado por mais de 30 dias, onde assumir e realizei nesse período o calçamento de 02 ruas, a reabertura da Clinica-Torres Galvão e assinei vários projetos que estavam parados por falta de compromissos administrativos. Diz Cabral. Quando indagamos a sua participação na administração do então Prefeito Antonio Speck, Nena Cabral chega elogiá-lo seus primeiros dois anos de chefia. “Os primeiros 02 anos de administração de Speck, não posso se hipócrita de na dar seus méritos, mas depois desse período já era a sinceridade administrativa. Mim afastei por conta de fraude de super faturamento na compra do terreno que hoje é o Bairro da Alameda Paulista, que passou dos 700.000 mil reais. ”Diz Nena. Que relata que existiam outras falta em seu governo (Speck) no que motivou seu afastamento. “Nunca compartilhei esse tipo de absurdo, onde até hoje Speck responde processos por essa compra outros problemas na sua administração”. Afirma Cabral. No decorrer da entrevista, Nena Cabral relata que participou de quase todas as administrações na Prefeitura do Paulista. Comentamos de sua participação na primeira gestão (2005) do atual prefeito Yves Ribeiro, onde foi Secretário de pasta de Transporte e Habitação, por cinco meses. ”Na verdade não deu tempo de realizar e nem mesmo apresentar projetos pra o nosso Transporte, até por conta que Yves, não dar autonomia aos seus subordinados (as) administrativos, ele não da chefia”. Relata Nena. E dispara. Ninguém faz nada se não for ele (Yves), no seu primeiro mandato em 2005/2009 o que se ouviu foi comercial e mais nada.” Critica Cabral. Que depois o elogia – “Não vou dizer que no seu segundo mandato ele (Yves) não esteja querendo rever a situação, hoje ele está fazendo mais”. Acrescenta Nena. Falamos sobre a situação da Saúde dos munícipes do Paulista e ele mais uma vez pulveriza fortemente. “A conhecimento e muito comentários que há um roubo na saúde de quase oito milhões de reais, e que isso é para ser apurado, investigado e penalizar os culpados. Fala Cabral. E quando perguntamos por provas. –” Todos já comentam, na Cidade do Paulista todo mundo já falam a respeito do assunto, e que o próprio secretário anterior disse que não ia preso só. Relata em comentário Nena Cabral. 

Finalizando a entrevista Nena Cabral enfatiza – “Sou padrinho de duas filhas de Yves Ribeiro, somos compadres. (Yves/Cabral). Sei dividir as coisas. Se vejo irregularidades saiu, não mim interessa o que não é meu, não vou mim suja. Quero minha liberdade, principalmente política. Já fui jurado de morte por outros que administraram Paulista, tive meu advogado assassinado como aviso de cuidado com minha vida. Não parei e não pretendo parar. Afirma Nena Cabral.


Foto: Arquivo da ARCAFM



Escrito por David Moreno às 15h53
[] [envie esta mensagem] []



O PODER EMANA DO POVO?

REVOLTA OU REVOLUÇÃO? 

No dia 3 de outubro, na Eleição para os Estados e o Distrito Federal, Centro das atenções política do País. Um simples homem, de origem sofrida, palhaço de circo por necessidade na sua infância. Que depois de anos virou profissão. E que por ter talentos vai pra televisão onde se tornou palhaço artístico, e mesmo não-alfabetizado a Televisão Brasileira o aceita. O que exigiram de Francisco Everardo Oliveira Silva o Tiririca? Já que a televisão brasileira é tão preconceituosa em relação à FORMAÇÃO ACADÊMICA? O que Viram em Tiririca? Um produto? Já que pra o povo Tiririca sempre foi e será importante. Porque não olhamos os palhaços como o tal, mas como alguém engraçado que faz as pessoas não dores sorrirem. Agora o povo escolhe sua origem, que não teve atenção necessária da Moradia, do Trabalho, da Saúde, da Segurança, do Laser e principalmente da EDUCAÇÃO. O que querem exigir agora? Será que não temos uma boa Educação por conta disso? Nossos Representantes Políticos não querem só pra eles e suas famílias? “UM PALHAÇO NO PODER, NOME DADO PELA MÍDIA.” O que o cenário político brasileiro é população brasileira? Sempre tiveram o direito de votos mesmo às mídias de comunicação ter mostrado irregularidades deles e de muitos. Nos anos 90, Tiririca lança seu CD, que acaba tendo uma vendagem de mais de um milhão e quinhentas mil copias. Não é a primeira vez que Tiririca é processado. No lançamento deste CD, ele é criminalizado por racismo e tem algumas musicas proibida de tocar nas Rádios uma delas é (... Veja os cabelos dela). Mas foi absolvido pelas as acusações. Em 1997 ele lança seu segundo CD, que dessa vez passou por vários problemas pessoais, voltando à ativa em 1999 com se terceiro CD. É, Tiririca começou muito sedo a vida de “PALHAÇO”, com 8 anos de idade. Essa historia não é diferente nos dias de hoje. Nossas crianças tendo que trabalhar pra ajudar a família, que muitas vezes abandonadas estão se drogando, o que causa vazão nas escolas. A COISA MAIS FÁCIL É COLOCAR A CULPA NAS FAMÍLIAS POBRES, E O ESTADO QUE CULPA TEM?

Agora Tiririca está sendo criminalizado por que não sabe ler, escrever ou tem dificuldades para esses atos... Mas de quem é a culpa?

Para Deputado, Tiririca obteve 1.348.295 (TRE/SP) - Um milhão Trezentos e Quarenta e Oito Mil, Duzentos e Noventa e Cinco Votos.
No lançamento do seu pripreiro CD, teve pouco mais do que seus votos. Será que não foram seus fãs que acredita na sua simplicidade? kkkkkkkkkkkkkkkk 


Fonte de Recrutamento: WIKIPEDIA - Pesquisa
Foto:
da Web



Escrito por David Moreno às 13h21
[] [envie esta mensagem] []



DISQUE-DENÚNCIA

Recife - 81 3421-9595
Agreste-PE - 3719-4545

http://www.disquedenunciape.com.br/

FAÇA SUA DENÚNCIA E SEJA RECOMPENSADO.

O Disque-Denúncia recompensa ligações que indique caso que ofereça Recompensa.

Acesse agora mesmo o site do Disque-Denúncia e tenha mais informações.




Escrito por David Moreno às 11h19
[] [envie esta mensagem] []




DENNY OLLIVEIRA É CONDENADO ATRAVÉS
DE LIGAÇÕES FEITAS AO DISQUE-DENÚNCIA

O Radialista e apresentador de Televisão (TV Nova Nordeste), Denny Olliveira foi condenado a 15 anos de prisão pelos crimes de estupro e atentado violento ao pudor. As investigações foram iniciadas depois de telefonemas ao Disque-denúncia e apurada pelo Ministério Publico de Pernambuco (MPPE). A sentença foi proferida na ultima terça-feira (16), pelo exmo Juiz José Renato Bizerra, que não expeliu a prisão imediata porque ele respondeu toda a ação em liberdade, dando o direito de recorrer da decisão também em liberdade.    


Fonte de recrutamento:
Google-Notícias



Escrito por David Moreno às 11h00
[] [envie esta mensagem] []



COMUNIDADE QUE GRITA

QUEM ESQUECE MAIS? A SOCIEDADE OU O PODER ADMINISTRATIVO?

Clique no meio do video pra parar ou assistir

Essa reportagem foi exibida Terça-feira, 19/01/2010


É nossa historia estamos cansados de contar e o povo enfadados de ouvir. Em 2002, tentamos mais uma vez acertar, votando em um candidato com a cara “atitude” do povo assim ele se mostrava ser. Em 2006 repetimos a dose, e mesmo depois de 2 anos de mandato, nada. O bairro do Engenho Maranguape sempre foi lembrado pelo Prefeito. "O Engenho Maranguape é a menina dos meus olhos..." “Temos que comer a papa quente pela beirada...” frases do Prefeito da Cidade do Paulista varias vezes. Mas parece que a vista de Yves está precária, e a papa não esfria. do seu primeiro ao segundo mandato o que faz no Engenho Maranguape -  Uma reforma na quadra do bairro com um valor clítico, Uma praça inacabada que as empresa e o resto da obra nem se comenta,  Um asfalto de três centímetros na Avenida Ag. Magalhães na época de sua reeleição, duas reformas no Edgar Alves (unidade de saúde) que nem a placa dos valores colocou, duas ruas que já eram calçadas e foram reurbanizadas, e, e, e, e... O QUE SE FEZ FINALMENTE DE NOVO SE TUDO JÁ TINHA? Menos a praça que ficou pela metade... O NE-TV vem aqui e comprova o que todos conhecem e muitos de medo de falar... Outros são comprados pela administração, e fica como bodes expiatórios...

Prefeito gostariamos muito de usar nossos espaços para realizar elogios, mas esperamos de sua parte pra que isso aconteça.

VALEU PELA REPORTAGEM NE-TV!


Fonte de video: Globo.com 



Escrito por David Moreno às 18h20
[] [envie esta mensagem] []



O QUE A CIÊNCIA PODE ESTUDAR

   CIÊNCIA NA POLÍTICA É POSSIVEL? 

    
  
Juliano Domingues                Danielson Andrades              Pedro Alcântara
  Mestre em Ciência Política       Mestre em Ciência Política       Membro da NTD
  Jornalista e Profº da Catolica    Sociólogo e Profº.                    Ciências Sociais e Prfº.


O dia 11 de Novembro do ano corrente vai ficar na historia da Rádio Comunitária Alternativa FM. Isso mesmo.  Juliano Domingues, Danielson Andrade e Pedro Alcântara, Três Cientistas Políticos do Núcleo de Teoria da Democracia (NTD), da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). No momento debatemos os planos de governos, estratégia políticas, universidade dos programas sociais (LOAS), a primeira mulher Presidente, o caso de Francisco Everardo Oliveira Silva, nome artístico Tiririca. Os cientistas ainda explicaram o que é representatividade na política e pra os partidos – “Se um candidato a vereador tem 5.000 mil votos, e o colégio eleitoral é de 200.000 mil votos isso não se considera nem 1% dos eleitores então quer dizer que esse candidato não tem maior representatividade nessa cidade.” Afirma Domingues. Pra Danielson Andrade, sociólogo e cientista, diz que um dos problemas no país é a falta de responsabilidade dos representantes eleitos, “O problema é que a sociedade aprende a votar, e não sabe como e a quem cobrar depois” diz Andrade. Pedro Alcântara, explica como os programas sociais (Bolsa Família) do governo melhoraram a situação pra muita gente. “Hoje o povo pode conta com uma distribuição de renda, e dizer que pode comprar no final do mês, poder passando um o cartão de “credito”. Isso dar orgulho e dignidade coisa que nunca tiveram, antes tinham que esperar uma cesta básica dos políticos” deixou de depender e passou a ser dependente.  Relata Alcântara. O comerciante Hamilton (foto ao lado), morador da Comunidade do Engenho Maranguape, também participou do debate, onde provocou os cientistas em relação do "Programa Bolsa Família". “Acho que o governo deveria investir no insentivo a uma profissão através de cursos profissionalizantes e principalmente na educação que é a base de tudo, ao invés de dar dinheiro, pois muitos nem precisa e outros usam erradamente.” Comenta Hamilton. 

Pra ocasião foi convidados várias lideranças e candidatos a vereador do Município da Paulista – Adevon, Dero, João Leou, Camelô, Almeida Fotos, Eraldo Lima, Valdir Lopes, Regi, Aldo, Marcelo coroa e outros. Todos confirmaram a presença, mas nenhum compareceu, infelizmente mostrando o verdadeiro interesso pra comunidade. Os únicos que se fez presentes, foi Hamilton que deu suas sugestões e o Ivan Horacio (pres. da ass. de Eng. Maranguape), que não fez perguntas e não pode ficar até o final do debate.  

Na mesa –
David Moreno - Comunicador
Antonio Salada - Comunicador
Junior Sóstenes - Comunicador

 Convidados do NTD -
Juliano Domingues (Jornalista e Cientista Político)
Danielson Andrade (Cientista Político e Sociólogo)
Pedro Alcântara (Ciência Social da Política)

Isso só foi o  resumo, desses Mestres em Ciência Política. Mas já estamos agendando uma segunda partida.

Agradecimentos Especiais:
Mestre Profº Assis Brandão
Cátia Oliveira e a todos do Núcleo de Teoria da Democracia da UFPE

REFERENCIAS:
http://pt.wikipedia.org
http://www.cienciapolitica.org.br
http://www.ufpe.br/ufpenova


 Fotos: Arquivo da ARCA 



Escrito por David Moreno às 14h39
[] [envie esta mensagem] []



SIMPLESMENTE DE MAIS

      VOCÊ PENSA QUE JÁ VIU DE TUDO?

   Foto: Arquivo da ARCA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em Olinda, proximo da Clinica Pronto-Olinda, encontramos essa beldade de motocicleta... além de chamar a atenção por ser bam diferente, chamava por tocar som dos anos 60, 70 e 80... Isso em Olinda/PE mesmo, a foto foi eu "David Moreno" que tirei quando paramos no semafáro da Pronto-Olinda. Isso aconteceu sabado (13), quando estavamos vondo da conferencia da Abraço/PE, uma das maiores Entidade que apoia as Rádios Comunitária no país. No momento estava presente - Travassos, Junior Sóstenes, Lauro da Paz e eu "David Moreno" o Antonio Salada que também fez presente na conferência, tomou outra rota, que acabou perdendo esse espetáculo. Mas está aí a Rádio Comunitária Alternativa trazando novidades com imagem...




Escrito por David Moreno às 13h00
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


Histórico
Votação
Dê uma nota para meu blog


Outros sites
Etica na Tv
DownLoads
Email Gratis
Direitos Humanos
TV Universitária PE
Alternativa em Ação
Direito a Comunicação
Como se alimentar bem
Monte uma Rádio na sua Comunitária